Aplicativo gratuito para facilitar a venda.

App de vendas gratuito da ContaAzul tem versão Android

Está disponível o aplicativo de vendas gratuito da ContaAzul para smartphones com sistema operacional Android. O lançamento vem para atender a pedidos de empreendedores que precisem ter um controle de vendas simples e sem custo. O objetivo é ampliar ainda mais o acesso ao app, que já é aclamado entre usuários de iOS.

Faça download do app de vendas gratuito do ContaAzul para Android acessando o Google Play.

ContaAzul é o sistema de gestão mais utilizado nas micro e pequenas brasileiras. Todo empreendedor, independentemente de ser cliente ou não, pode usar o aplicativo de vendas no aparelho celular tanto em ambiente Android quanto em iOS.

A ContaAzul é movida pelo propósito de contribuir com o sucesso das pequenas empresas brasileiras e investiu no desenvolvimento do aplicativo para proporcionar maior controle aos empreendedores do país. Com esse propósito, a empresa disponibilizou gratuitamente o premiado serviço de atendimento aos usuários de celular.

O aplicativo não é a versão do sistema de gestão ContaAzul para celular. Trata-se de um a ferramenta disponível para capacitar todo empreendedor a vender de forma mais simples e organizada. Os empreendedores que utilizam o aplicativo gratuito de vendas podem se encontrar em duas situações:

  • Se usam o app gratuito no celular e ainda não são clientes pagantes do sistema de gestão ContaAzul, experimentarão gratuitamente uma parte do que a plataforma desktop pode oferecer, inclusive com acesso ao atendimento especializado. Caso o empreendedor decida utilizar o serviço, todos os dados de clientes, produtos, serviços e vendas são importados automaticamente. Nesse caso, os usuários do aplicativo móvel ainda podem testar o ContaAzul completo por alguns dias também sem custo;
  • Os empreendedores que são clientes e também usam o aplicativo no celular notarão que toda venda registrada, bem como produtos, serviços, itens de estoque e clientes registrados no app automaticamente fluirão para a sua ContaAzul.

Para a empreendedora Stéphanie Sampaio de Andrade (Phanie), de Caruaru, o aplicativo de vendas fez toda a diferença. “Por cinco anos estive trilhando a carreira jurídica, mas decidi empreender. Há dois anos larguei tudo para abrir meu próprio negócio e há um ano meio estou com a marca PhanieFit”, relata com orgulho a empresária que criou uma empresa de alimentação fitness e se tornou a personal chef de muita gente em sua cidade.

Phanie foi uma das primeiras pessoas a usar o aplicativo de vendas gratuito da ContaAzul, desde então ela não parou mais. Graças ao aplicativo é possível medir o avanço do trabalho dela: o crescimento em vendas do primeiro para o segundo mês foi de 280%.

“O app atende totalmente as necessidades do meu negócio. É rápido, dinâmico, permite o armazenamento de produtos e serviços, valor individual, estoque e na geração de uma venda dispõe de campo de quantidade, que faz a soma da venda automaticamente. Tudo que eu preciso para ter o controle das minhas vendas encontro no aplicativo, é perfeito”, declarou Phanie.

Embora a taxa de mortalidade de empresas seja alta no Brasil, chama atenção o fato de que a natalidade consegue ser ainda maior. Ou seja: nascem mais empresas do que morrem, o que coloca o saldo de geração de emprego e renda no positivo.

Se comparada com a versão de iOS, a versão para Android ainda tem algumas etapas de desenvolvimento a frente. Entretanto, os recursos já são suficientes para atingir um nível ótimo de organização, permitindo que o empreendedor tenha mais possibilidades de gestão, tomada de decisão e tempo livre.

É fato notório que criar um fluxo de vendas organizado é um passo importante para a saúde de qualquer negócio, especialmente da micro e pequena empresa. O motivo é simples: o saldo mensal no caixa dessas empresas vem caindo ano a ano.

Dados do Termômetro ContaAzul 2ª Edição apontam que na comparação entre os meses de janeiro a maio de 2014, 2015 e 2016, pela primeira vez no triênio, a média o fluxo de caixa ficou negativo. O saldo médio foi de -R$ 611, enquanto no mesmo período do ano passado era R$ 1.107 e no ano anterior, em 2014, foi de R$ 3.483.

Uma análise mais profunda aponta que os empreendedores que têm mais dificuldades com o caixa estão com um saldo médio que sai do valor negativo mencionado anteriormente chega a R$ 2.560. Aqueles que aplicam as melhores práticas de gestão conseguem fechar o mês de maneira mais favorável, em uma faixa que vai de R$ 5.705 a R$ 16.581.

Contatos para imprensa e formadores de opinião

noticias.contaazul.com

imprensa@contaazul.com

Medialink Comunicação — Fone: (11) 3817–2131/ (11) 99662–1192
Raul Fagundes Neto — raul.fagundes@medialink.com.br
Fernando Marchi — fernando.marchi@medialink.com.br
Amauri Vargas — amauri.vargas@medialink.com.br
Leonardo Camacho — camacho@contaazul.com